Fux responde a fala de Bolsonaro, e Conselho de Governo vai se reunir
08/09/2021 09:31 em Noticia da sua Cidade

O resultado dos atos do 7 de Setembro estará em pauta tanto no Executivo quanto no Judiciário nesta quarta-feira (8). Jair Bolsonaro (sem partido), que convocou os atos e fez diversas críticas ao STF (Supremo Tribunal Federal) em discursos na Esplanada dos Ministérios e na avenida Paulista, se reunirá com o primeiro escalão e convidados do governo federal pela manhã. Já o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Luiz Fux, se manifestará sobre o assunto no início da plenária com os demais membros da Suprema Corte.

A expectativa é que Fux e os demais magistrados se posicionem sobre as declarações do presidente nos atos em que ele participou. Em Brasília, Bolsonaro mencionou o Supremo e fez ataques ao ministro Alexandre de Moraes sem citar nomes. Já em São Paulo, foi direto sobre o que pensa sobre o ministro, que é relator do inquérito das fake news, e chegou a chamá-lo de “canalha”.

“Não vamos mais admitir pessoas como Alexandre de Moraes continuem a açoitar a nossa democracia e desrespeitar a nossa Constituição. Ele teve todas as oportunidades para agir com respeito para todos nós, mas não agiu dessa maneira como continua não agindo", disse. "Ou o ministro se enquadra ou ele pede para sair”, complementou.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!